10 lugares bacanas para fazer um piquenique em São Paulo – Parte 2 É Grátis / Na natureza

Se tem um tema que poderia render muitos posts, definitivamente, seria as indicações de lugares para fazer piqueniques em São Paulo – principalmente, nos parques. Por incrível que parece a cidade possui 107 parques municipais (urbanos, lineares e naturais) e, mesmo assim temos aquela sensação de pouco espaço verde, não é mesmo? De fato, precisamos cada vez mais. Devido ao grande sucesso do post anterior sobre piqueniques, eu selecionei mais 10 parques para curtir um dia de domingo (ou sábado, ou qualquer dia) fazendo um piquenique.

Parque do Jaraguá Foto Patricia Ribeiro Passeios Baratos emSP

Parque do Jaraguá
Foto Patricia Ribeiro Passeios Baratos emSP

Parque Estadual Jaraguá

Remanescente da Mata Atlântica, a antiga fazenda foi transformada em parque em 1961 e, possui 492 hectares, variedades de flora e fauna (exóticas e nativas) e montanhas que chegam a 1.135 metros de altitude, que nos dá uma visão de 360°, permitindo contemplar pontos distantes de São Paulo, Osasco e as rodovias ao redor, dentro parque após a trilha essa visão é do famigerado Pico do Jaraguá. Com uma ótima infraestrutura o passeio pelo Parque Estadual Jaraguá, certamente, será daqueles inesquecíveis: lanchonetes, pista para skates, quadras poliesportivas, playgrounds e trilhas e, claro, área para piqueniques e churrasco. É ou não é completinho? Mas, se você prefere toalha estendida no chão – como eu – escolha uma das centenas de espécies da flora local, entre elas: palmeiras, palmito-juçara, samambaiaçu, guapuruvu, paineira, figueira, jatobá, aroeira, cambará, gameleira, angico, quaresmeira, etc. Parque Estadual Jaraguá. Rua Antônio Carlos Nogueira, 329, Vila Chica Luiza. Diariamente das 7h às 17h. Telefones: (11) 3943-5222/3941-2162/3945-4532 ÔNIBUS:  8040-10 – Lapa-Sol Nascente, 8047-10 e 31 – Lapa-Jaraguá e 8696-10 e 41 – Praça Ramos-Jaraguá. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque Cidade de Toronto Foto:- Areas Verdes das Cidades

Parque Cidade de Toronto
Foto:- Areas Verdes das Cidades

Parque Cidade de Toronto

Sim, como o próprio nome sugere, o Parque Cidade de Toronto é homenagem a uma parceria entre a Prefeitura de São Paulo e o Canadá e, além do nome, possui um playground com brinquedos típicos canadenses. Localizado na região de Pirituba, o Parque possui uma área verde com mais de 109 m² distribuída entre: churrasqueiras, quiosques, palco, aparelhos de ginástica, pista de cooper, quadras e um belíssimo lago. Cercado por vegetação de brejo e bosques característicos canadenses (coníferas) e nosso símbolo nacional, o ipê, entre outras maravilhas da flora. Vale conhecer um lugar que foi recuperado de uma área considerada degradada e, também, de alguma maneira, conhecer um pouco mais de outra cultura e, por último não menos importante, é um parque pouco divulgado, portanto, é certeza de momentos de tranquilidade. Ah, para os amantes a programação cultural inclui, aos domingos, o evento Bosque da Leitura. Atualize sua playlist com Alanis Morissette e aproveite! Parque Cidade de Toronto. Avenida Cardel Mota, 84, Pirituba. Diariamente das 6h às 18h. Telefones: (11) 3834-2176 ÔNIBUS: 8062-10 – Pq. São Domingos – Lapa /8065-10 – Lapa / 8100-10 – Terminal Lapa /8696-10 – Pça. Ramos de Azevedo. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Ceret Foto: www.areasverdesdacidade..com.br

Ceret
Foto: www.areasverdesdascidades.com.br

CERET – Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador

Administrado pela Secretaria Municipal de Esportes da Prefeitura de SP, o CERET é o lugar na zona leste para os amantes dos esportes: três campos de futebol oficiais, um campo de futebol society, quatro quadras de basquete, quatro quadras de vôlei, quatro quadras poliesportivas, seis quadras de saibro, pista de atletismo com seis raias, dois locais para arremessos de peso e disco, duas canchas de bocha, um ginásio poliesportivo, galpão e sala de ginástica, balneário com quatro piscinas e pistas para caminhadas/corridas. Nossa, fiquei até cansada! Mas se assim como eu, vocês quiseram ficar numa boa, curtindo a paisagem e comendo como se não houvesse amanhã – mas, lembrem-se que há, por isso, nada de exageros, o piquenique pode ser bem leve, eu vou dar mais adiante dicas de alimentos – o Parque dispõe de áreas arborizadas onde ocorrem trilhas ecológicas monitoradas sob a Mata Atlântica. Para o piquenique nos quiosques deverão agendar com a administração e não há lanchonete no local. Cães são bem-vindos na área exclusiva para eles: o “cachorródromo”. Um destaque para iniciativa de um programa que visa o cultivo de hortas e outras plantas com foco no público estudantil e a comunidade. Para saber mais: Coordenadoria de Convivência, Participação e Empreendedorismo Social (CONPARES), por meio dos telefones: (11) 3113-9629 ou (11) 3113-9683. CERET. Rua Canuto de Abreu, s/n Vila Formosa. Segunda à sexta das 6h às 22h. Sábados, domingos e feriados das 6h às 18h. Telefones: (11) 2671-8788. Estacionamento no local. ÔNIBUS: 233A-10 – J. Helena –233C-10 – Terminal A.E. Carvalho – 372U-10 – Santa Isabel – Metrô Tatuapé, 4044-10 – Term. Vila Carrão – 414P-10 – Vila Industrial – Penha e a 473T-10 – Metrô Vila Mariana – Pq. São Jorge. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Jardim em estilo francês no Parque da Independência Foto: Patrícia Ribeiro/Passeios Baratos em SP

Jardim em estilo francês no Parque da Independência Foto: Patrícia Ribeiro/Passeios Baratos em SP

Parque da Independência

Para quem conhece sabe que não estou exagerando se disser o quanto este lugar é bonito! E, para quem não conhece vale muito a pena seja pela arquitetura, esculturas, seja pelo valor histórico. Localizado no Ipiranga, o Parque da Independência é um marco histórico da sociedade brasileira aonde ocorreu o famoso Grito da Independência por Dom Pedro I, em 1822. Ali o famoso Museu do Ipiranga – infelizmente fechado até pelo menos a previsão de 2022 -, o Monumento à Independência onde está a Cripta com restos mortais de Dom Pedro I e das imperatrizes e, o Museu do Grito. Deixando um pouco de lado o fator histórico, a beleza do jardim é encantadora. Inspirada nos Jardins de Versalhes muitas pessoas dispensam suas horas por ali lendo, papeando, ouvindo música e, claro, o lugar é incrível para muitas fotos, selfies e afins.Uma boa recordação que tenho de lá foi o show da Norah Jones, gratuito, onde todos puderam assistir tranquilamente o show sentados na grama e felizmente nessa época o chafariz estava em pleno funcionamento. Fazer seu piquenique neste local é certeza de bons momentos e lindos registros para posteridade ou in loco para quem adora um check-in. Pets são bem-vindos, porém, não soltos. Bicicletas, skates e patinetes apenas na parte inferior da Praça do Monumento, entrando pela Rua dos Patriotas. Parque da Independência. Avenida Nazareth, s/n Ipiranga. Diariamente das 5h às 20h. Telefones: (11) 2273-7250 ÔNIBUS: 375V-10 – Central Plaza Shop. – Metrô Sta Cruz / 4113-10 – Gentil de Moura – Pça da República / 4706-21 – Ipiranga – Metrô Vila Mariana / 478P-10 – Sacomã – Pompéia / 5101-10 – Term. Sacomã – Term. Pq. D. Pedro II / 5703-10 – C.A. Ipiranga – Metrô Imigrantes. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Playground - Núcleo Engordador - Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Playground – Núcleo Engordador – Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Parque da Cantareira – Núcleo Engordador

Geralmente, quem vai fazer um piquenique quer ficar tranquilo sem grandes esforços, mas se você se animar depois ou antes do lanche, o Núcleo Engordador tem trilhas fáceis e curtas para você fazer, que vão garantir uma bela paisagem do local. Há área exclusiva para piquenique, playgrounds, fauna e flora diversificada (bugio, preguiça, serelepe, quati, jararaca, suçuarana, macaco Prego, macaco sauá, samambaiaçu, figueira, jacarandá, embaúba, tapiá, palmito, cedro-rosa) e pequenas quedas d’águas e riachos. O Parque é aberto às visitações públicas aos sábados, domingos e feriados, nos demais dias apenas visitas monitoradas com a Unidade de Conservação. Abrangendo os municípios de São Paulo, Guarulhos, Mairiporã e Caieiras, o Parque é um passeio rico em biodiversidade e para todos os públicos. Parque da Cantareira,  Av. Coronel Sezefredo Fagundes, n° 19.100 sentido Mairiporã.. Sábados, domingos e feriados das 8h às 17h. Telefones: (11) 2203-3266 / 2203-0115 Valor do Ingresso R$ 13,00. R$ 6,50 (meia -entrada) Transporte Público: Do metrô Tucuruvi (linha azul) sai o ônibus 1783-21 com o letreiro: Cachoeira – Metrô Tucuruvi /   Estação Santana (linha azul) parte o 1783-10 com o letreiro: Cachoeira – Metrô Santana . Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque Chácara do Jockey Foto: www.areasverdesdascidades.com.br

Parque Chácara do Jockey
Foto: www.areasverdesdascidades.com.br

Parque Chácara do Jockey

Esse foi o último parque que conheci recentemente. Localizado na região do Butantã, o Parque Chácara do Jockey foi bem recente transformado em área de lazer. Em 2014, a Prefeitura de São Paulo tomou posse da Chácara atendendo a reivindicação popular em transformá-la em parque. Apenas em 2015 deu-se início às readequações necessárias, portanto, ainda é notório que o local está em processo de melhorias, porém, já se pode aproveitar muita coisa. É possível caminhar pelo extenso gramado sombreado e terra batida que formam algumas trilhas – evite dias posteriores de chuva pois ficará com muita lama nos pés. Há o playground para as crianças, que ainda está pequeno, mas o projeto visa ampliá-lo. Fui em um dia que estava acontecendo um concurso cultural de poesia no coreto, o local estava cheio de gente de todas as idades com muito entusiasmo sobre poesia. Eventos culturais ocorrem com alguma frequência como no coreto e no pavilhão de atividades onde há dança e aula de karatê aos domingos, gratuitamente.Para os esportistas vasto gramado para futebol, quadras poliesportivas e pista de skate, muito agitada e lotada de jovens meninos e meninas. Há 6 mesas disponíveis na área de piquenique, mas como disse todo o local é bem arborizado e ótimo para realizá-lo sob uma sombra. Muitos projetos estão sendo encaminhados para melhorar o local e ampliar a programação cultural. Recomendo pela tranquilidade e área aberta para um belo piquenique sob a sombra ou em volta do lago. Parque Chácara do Jockey. Avenida Prof. Francisco Morato, 5300, Butantã. Diariamente das 6h às 20h. Telefones: (11) 3722-3264 ÔNIBUS 809L-10 Campo Limpo / Lapa – 8026-10 Jd. Ingá / Butantã – 746H-10 Jd. Jaqueline / Santo Amaro / 6250-10 Jd. Jaqueline / Terminal Bandeira / 8605-10 Terminal Campo Limpo / Terminal Bandeira / 8075-10 Terminal Campo Limpo / Metrô Butantã / 857A-10 Terminal Campo Limpo / Metrô Santa Cruz  Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque do Ibirapuera Caio Cordeiro/SPTuris

Parque do Ibirapuera
Caio Cordeiro/SPTuris

Parque do Ibirapuera

A gente sempre tenta sair do óbvio e explorar lugares menos conhecidos e tal, mas como não mencionar o Ibira? O mais conhecido do Brasil e do mundo – sim, foi eleito um dos melhores parques do mundo, segundo, o jornal britânico The Guardian. O Parque do Ibirapuera é completinho, não é mesmo? Seus 1.584.000 m² são muito bem aproveitados. Poderia fazer um extenso post falando sobre tudo que ali: a agitada marquise com o pessoal das “rodinhas”, quadras poliesportivas, pista de cooper, playground e toda referência à arte dedicada e biodiversidade com: Jardim das Esculturas, MAM (Museu de Arte Moderna),  MAC (Museu de Arte Contemporânea,  Museu Afro Brasil,  Planetário, Pavilhão Japonês, Oca, Auditório Ibirapuera, Viveiro Manequinho Lopes, Umapaz, a Universidade Aberta do Meio Ambiente, com vários cursos e atividades gratuitas,  Bosque de Leitura, Praça Burle Marx, Praça da Paz. Olha, são tantas coisas! Vamos manter o foco no piquenique. O parque é uma das mais importantes áreas verdes e de lazer da cidade, essencial, para momentos que pedem tranquilidade, sombra e confraternização.  Há área reservada para piqueniques e o acesso para os pets é livre desde que em coleiras. O parque recebe cerca de 150.000 visitantes em um único domingo, portanto, se você não se incomoda com muita gente, ele é ideal para você. Vá com calma e sem pressa. Passear nesse parque é como conhecer a população diversa de toda a São Paulo. Parque do Ibirapuera Avenida Pedro Alvares Cabral, s/n  Ibirapuera. Diariamente das 6h às 20h. Telefones: (11) 5572-0985 / 5084-9328. Portões de acesso a pedestres fecham às 22h, exceto os Portões 02 e 10 com livre acesso 24h. ÔNIBUS: 175T-10 – Metrô Santana – Metrô Jabaquara / 477U-10 – Heliópolis – Shop. Iguatemi (Cir.) / 509M-10 – Jd. Miriam – Term. Princ. Isabel / 5154-10 – Term. Sto. Amaro – Est. da Luz / 5164-21 – Cidade Leonor – Pq. Ibirapuera / 5175-10 – Balneário São Fco. – Pça. da Sé / 5178-10 – Jd. Miriam – Lgo. São Francisco / 5185-10 – Term. Guarapiranga – Pq. D. Pedro II / 5194-10 – Jd. São Jorge até Apurá – Lgo. São Francisco / 5300-10 – Term. Sto Amaro – Term. Pq. D. Pedro. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque do Piqueri – Caio Pimenta SPTuris

Parque do Piqueri – Caio Pimenta SPTuris

Parque do Piqueri

Na famosa Tuiuti, Tatuapé, está o Parque Piqueri. Sua área verde com 97.000 m² faz desse local um ótimo parque para passear e fazer piqueniques. Sua infraestrutura é composta por pista de Cooper, bicicletário, campo de futebol de areia, quadra de campo, quadras poliesportivas, aparelhos de ginástica, playgrounds, lago, palco para apresentações, estacionamento, sanitários, conchas de bocha. Possui vegetação composta por eucaliptal, alameda de sibipirunas, bambuzal e bosques heterogêneos.  Cachorros são bem-vindos, skates e patins, não. Destaco o Ponto de Leitura onde o visitante pode usufruir dos livros e revistas disponíveis. Curiosidade: Piqueri é o nome da tribo indígena que vivia neste local depois transformada em Chácara do Piqueri e, atualmente, patrimônio da cidade é o Parque Piqueri. Parque do Piqueri. Rua Tuiuti, 515 Tatuapé. Diariamente das 6h às 18h. Telefones: (11) 2097-2213 ÔNIBUS 1177-10 Term. A.E. Carvalho – Estação da Luz / 1177-51 Term. A. E. Carvalho – Term. Amaral Gurgel / 1178-10 São Miguel – Pça. Do Correio / 1180-10 Vila Dr. Eiras – Pça. Princ. Isabel / 172J-10  Jd. Brasil – Tatuapé e 172J-31 Uninove – Metrô Tatuapé . Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque Vila dos Remédios Foto: www.areasverdesdascidades.com.br

Parque Vila dos Remédios
Foto: www.areasverdesdascidades.com.br

Parque Vila dos Remédios

Que tal um churrasco ao ar livre? A área disponível para piqueniques no Parque Vila dos Remédios, além de excelentes mesas cercada por vegetação, possui churrasqueiras disponíveis para dar aquela incrementada no piquenique.  Localizado na zona oeste da capital, o Parque possui lagos, playgrounds,trilhas, bicicletário, ciclovia, quadras poliesportivas, equipamentos de ginástica e sanitários para pessoas com mobilidade reduzida. Destaque para as várias trilhas monitoradas (e agendadas) que você pode fazer em plena cidade e observar na caminhada a vasta biodiversidade local: no local há uma mina d’água e dois córregos que cortam o terreno. Possui vegetação composta por remanescente de Mata Atlântica em estágios inicial e médio de sucessão, áreas ajardinadas e bosques. Isso faz ou não faz seu churras um pouco mais especial? Parque Vila dos Remédios. Rua Carlos Alberto Vanzolini, 413 Vila Jaguara. Diariamente das 7h às 18h. Telefones: (11) 3625-1419 ÔNIBUS 8060-10 – Vila Piauí – Term. Lapa / 847J-41 – Vila Jaraguá – CEAGESP / 917H-10 – Term. Pirituba – Metrô Vila Mariana . Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Parque da Juventude Foto:www.areasverdesdascidades.com.br

Parque da Juventude
Foto:www.areasverdesdascidades.com.br

Parque da Juventude

Acredito que de todos os lugares mencionados até o momento, o Parque da Juventude seja o que mais ressignificou o local onde está. Oriundo da desativação do Complexo Penitenciário Carandiru – palco de tanto horror e histórias tristes e complexas -, ele hoje é exemplo de área de lazer bem aproveitada no âmbito social e cultural. Hoje, repaginado, o Parque possui inúmeros atrativos para todo tipo de visitante, tais como: oito quadras poliesportivas, duas quadras de tênis, pistas de skate, ciclovia, playground, pista para caminhada e corrida, acesso à Biblioteca de São Paulo com mais de 35 mil obras no acervo, 90 computadores para o público acessar a internet (gratuitamente, durante 120 minutos diários), filmes, músicas e jogos eletrônicos. Ainda é possível pegar emprestado mediante apresentação de identidade: bolas de futsal, bolas de vôlei, bolas de handebol, bolas de basquete, raquetes e bolas de tênis, raquetes e bolas de ping pong, jogo de damas e jogo de xadrez. Para quem não dispensa a história e representações artísticas poderá conhecer ruínas do Complexo Penitenciário Carandiru e apreciar diversos murais trabalhados em grafitti. O parque possui uma agenda cultural extensa: sempre há algum show ou festival nacional acontecendo, teatros, circos. Como não há lanchonete, o piquenique é mais que sugerido para esse passeio. Sua área verde é pequena de apenas 16.000 m², mas suficiente para procurar aquela boa sombra e curtir uma manhã ou tarde nesse local tão significativo para a sociedade. Parque da Juventude. Avenida General Ataliba Leonel, 500, Av. Cruzeiro do Sul, 2630 ou Av. Zachi Narchi, 1309, Santana. Diariamente das 6h às 19h (Área Esportiva) e 6h às 18h (Área Central) e 9h30 às 18h30h (Terças aos domingos na Área Institucional – Biblioteca SP). Telefones: (11) 2089-8600 ÔNIBUS 1721-10 Vila Ede – Metrô Carandiru / 1721-50 Vila Ede – Terminal Bandeira / 2103-10 Santana – Jardim Almanara / 2010-31 Parque Edu Chaves – Metrô Carandiru / 1721-21 Vila Ede – Metrô Carandiru. Outras linhas ligue 156 ou acesse SPTrans.

Sugestões para organizar seu piquenique

Neste post, vamos dar um plus e compartilhar algumas dicas do que levar, do que fazer, como levar tudo que um piquenique pode ter para ser sucesso. Anota aí:

Previsão do tempo: sempre procure saber antes de marcar se o tempo estará propício para um evento ao ar livre.

Cuidados com a pele: vocês viram a quantidade de biodiversidade que os locais apresentam, por isso, é sempre importante levar repelente, protetor solar, boné ou chapéu para os mais sensíveis.

Alimentação: como ficarão muitas horas sem refrigeração sugerimos não levar alimentos que precisam desse processo (maionese, molhos e cream cheese, por exemplo) ou levar em bolsas térmicas, mas apenas por três horas, segundo nutricionistas.

Na bolsa térmica poderão incluir:  leite, iogurte, queijo, peito de peru e outros frios. Queijos industrializados embalados individualmente podem ser levados nas cestas de vime, assim como pães, salgados assados e bolos estilo da vovó (sem cobertura ou recheio).

Para quem gosta de frutas deixe para cortá-las no local assim elas não escurecem. Leve os sucos em garrafas térmicas com gelo.

Quer impressionar e fazer um piquenique gourmet? Vejam essas dicas ( receita ao clicar no nome) :

– sanduíche de filé-mignon no pão ciabatta. Chamado de tagliata, leva ainda rúcula (que você pode deixar como opcional), tomate e queijo parmesão;

sangrias e tapas à moda espanhola seu piquenique;

tortilla de batata com cebola caramelada.

E você, tem alguma sugestão de lugares para piquenique?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Meu nome é Vilma. Sou paulistana e não vivo uma relação de amor e ódio com a cidade: sou uma apaixonada assumida por São Paulo. Formada em Letras (Português e Inglês) pela UNIP, mas sempre trabalhei no meio corporativo. Meu interesse por eventos culturais começou bem cedo. Vizinha do Centro Cultural São Paulo, todos os dias, depois da aula, passava tardes inteiras por ali aproveitando tudo o que podia. Como sou uma pessoa de múltiplos interesses – música, literatura, teatro, cinema, passeios ao ar livre, cultura pop, em geral, e gastar pouco e me divertir muito – logo virei ponto focal entre amigos e colegas de trabalho sobre o que de melhor estava acontecendo na cidade e, aí está uma das outras coisas que adoro: compartilhar conhecimento. Uma outra é criar roteiros: seja de passeios pela cidade, seja para uma viagem de muitos dias. Desejo disseminar o que há acontece na cidade para além dos segundos cadernos.

Comments

  1. Marli Rodrigues Says: novembro 18, 2016 at 2:19 pm

    Olá
    Gostei da matéria sobre os parques e que tal vc organizar piqueniques para esses lugares?

    fiaca a sugestão

    • Patrícia Ribeiro Says: novembro 20, 2016 at 12:19 pm

      Obrigada, Marli, mas já faço os passeios guiados a pé pela cidade e não cabe na agenda. Venha participar dos passeios. Abraços.

  2. Na verdade o núcleo engordador fica na av.sezefredo fagundes, 19.100. O outro endereço é do núcleo pedra grande 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *