11 programas para curtir as férias em São Paulo Agenda Cultural / É Grátis

Finalmente as férias chegaram e se você não vai viajar, tem opções para toda a família em São Paulo. Selecionamos algumas opções pagas e gratuitas na capital ou pertinho dela para você aproveitar suas férias com muita diversão. Acompanhe.

  1. Museu de Zoologia
    Divulgação

    1 Museu de Zoologia

Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo situa-se na avenida Nazaré, no bairro do Ipiranga, atrás do Museu do Ipiranga. Sua sede é um prédio construído com o propósito de ser um museu de história natural, com vitrais e decorações em gesso, exibindo temática zoológica. Sua exposição abriga uma série de animais empalhados, fósseis, réplicas de fósseis e diversas informações didáticas. Com entrada temporariamente gratuita, atrai público de todas as idades.A organização interna no Museu de Zoologia conta agora com uma nova cenografia e mais diversidade de animais em sua galeria, além de um recente laboratório aberto para o público, de modo que as pessoas possam interagir com uma simulação dos bastidores do museu.

Possui um dos maiores acervos zoológicos da América Latina, o que traz para o Museu um estudo detalhado e qualificado desta área. São mais de 10 milhões de exemplares e alguns possuem a exclusividade de testemunhos sobre espécies já extintas.

Av. Nazaré, 481 – Ipiranga- Horário: de quarta a domingo das 10h às 17h. Entrada gratuita

Edifício Copan
Wikimedia

Um passeio no centro pelas obras de Niemeyer

O arquiteto brasileiro com maior projeção internacional, Oscar Niemeyer não poderia ter deixado de imprimir a sua marca na maior cidade do país. Ao longo da segunda metade do século 20, seus projetos mudaram a cara de São Paulo, e muitos deles vieram a se tornar verdadeiros símbolos e cartões-postais.  Suas obras ajudam a ilustrar um pouco da sua trajetória e do desenvolvimento da metrópole.  No dia 9 de agosto, sexta-feira, vamos conhecer sua vida e legado no centro de São Paulo. Vamos conhecer um dos seus prédios mais famosos, o edifício Copan com visita ao terraço para admirar a vista,  vamos ainda passar por outras importantes obras do arquiteto como edifício Eiffel, Edifício Montreal e Galeria Califórnia, Edifício Triângulo finalizando o passeio onde São Paulo começou, no Pátio do Colégio. Ainda teremos uma parada para um café e água. R$ 40. Ponto de encontro: em frente o edíficio Copan. Passeio com guia de turismo de 3 horas. Reservas whatsapp 11 94562-3015 ou e-mail passeios@passeiosbaratosemsp.com.br

 

 

2 Exposição Vai Vem no CCBB 

Quando você pensa em rede logo relaciona com ócio, preguiça e relaxar? Então precisa visitar a exposição Vai Vem no o CCBB que quebra os paradigmas e conceitos relacionados com a rede. Este objeto representa muito mais do que imaginamos. Recomendo fazer a visita mediada gratuita. Tive o privilégio de ter uma monitora só pra mim. Juba, menina esperta e sensível que me mostrou outro olhar sobre este objeto do nosso cotidiano nas horas de ócio. Lindas obras, quadros, instalações, muitos de artistas indígenas. Outra coisa a repensar: por que eles não são acadêmicos suas obras são menores? Vi obras primas de alguns artistas, muito deles auto- didatas. Confiram e comentem aqui o que acharam A exposição fica em cartaz até 29 de julho. Visitas mediadas segunda, quinta e sexta às 11h e 17h. Quarta 11h, 17 e 18h. Sábado é domingo às 12h. Não precisa se inscrever. É só chegar. Horário de funcionamento de terça a domingo das 9h às 21h. Fecha às segundas.

CCBB rua Álvares Penteado, 112. Estação Sé ou São Bento

3. Pinacoteca nas férias

Durante o evento os visitantes têm acesso à Ilha de atividades, com jogos e propostas lúdicas, além de receber um guia de visita, material impresso para estimular a visita autônoma das famílias às exposições do acervo do museu. Quem quiser, pode ainda levar para casa o jogo PinaFamília, desenvolvido pelo NAE, que visa estimular a interação entre diversas faixas etárias, desenvolver a percepção, observação e argumentação lógica. Nele, os participantes associam textos e imagens, a partir das obras expostas, além de criar suas próprias imagens.Outra atração é o espetáculo PinaCanção – uma história cantada entre pinturas, criado por Hélio Ziskind, diretor musical do Cocoricó, exibido na TV Cultura. Na narrativa, dois personagens se encontram na Pinacoteca e, em meio às canções, descobrem juntos tons, texturas e escalas do mundo da pintura. A apresentação, que reúne música, teatro e artes visuais, tem 40 minutos e acontece às 15h no auditório da Pinacoteca Luz. Por ocasião das férias de julho, o NAE realizará uma apresentação extraordinária do espetáculo também no dia 21 de julho.

PinaFamília
Ilha de atividades e distribuição de guia de visita e jogo
Data: 14 de julho de 2019, domingo
Horário: das 11h às 15h
Local: Pinacoteca, balcão de entrada do museu, 1° andar e Átrio, 2º andar
Endereço: Praça da Luz, 2
Ingresso: Entrada Gratuita

Espetáculo PinaCanção
Data: 14 e 21 de julho de 2019, domingo
Horário: 15h
Local: Pinacoteca, Auditório, térreo
Endereço: Praça da Luz, 2
Ingresso: Entrada Gratuita.
Duração: 40 minutos
Distribuição gratuita de senhas às 14h30, no auditório, térreo. Veja a programação completa de exposições e outras atividade no site http://pinacoteca.org.br/

4. Exposição Tarsila no Masp

O MASP terá novos horários em julho – até o fim de ‘Tarsila popular’, dia 28 – para atender a demanda que cresce com as férias escolares.As terças-feiras gratuitas do MASP agora têm patrocínio da Qualicorp. A entrada dá acesso a todas as mostras em cartaz no museu, à sala de vídeo e ao café, e a visitação se estende até as 20h.

O mês será o último para ver também as exposições ‘Lina Bo Bardi: Habitat’ e ‘Comodato MASP Landmann – têxteis pré-colombianos’.

Segunda-feira: fechado
Terça-feira: 10h-21h
Quarta-feira: 10h-19h
Quinta-feira: 10h-19h
Sexta-feira: 10h-21h
Sábado: 10h-21h
Domingo: 10h-19h

Visite: https://masp.org.br

Visita monitorada à Exposição: “TARSILA POPULAR” . A visita  contará com uma explanação inicial sobre o Movimento Modernista brasileiro, a vida e a obra de Tarsila. Aa visita à exposição será monitorada pela artista plástica e arte-educadora Fernanda Mercês Ferreira. Duração aproximada de 2h30.

Reservas: whatsapp (11) 94562-3015 ou e-mail passeios@passeiosbaratosemsp.com.br

Valor: R$ 65 valor único

Inclui: ingresso do museu com visita monitorada à exposição Tarsila

Roteiro

Data:  19/07 sexta-feira

Ponto de encontro: em frente a bilheteria do Masp

Horário: 16h00

Duração aproximada: 2h30

5 Ski Mountain Park

O parque fica na cidade de São Roque e oferece diversas opções para quem gosta de praticar esportes com mais adrenalina como arvorismo, escalada ou simplesmente andar a cavalo, por exemplo. O parque oferece programação para toda a família. Você pode optar por comprar o passaporte que dá direito a diversas atrações (R$ 99,80) ou pagar por atividade (consulte os valores no site). Informações: www.skipark.com.br. Preço da entrada: R$ 30 por veículo. Pedestres (sem veículo) pagam R$ 10. Pagamento da entrada é feito em dinheiro. Funcionamento: Terça a domingo e feriados. Horário janeiro: das 10 às 18 horas. Tem restaurante e lanchonete no local. Estrada da Serrinha s/nº – Bairro Cambará – São Roque. Tel: (11) 4712-3351

Borboletário – Miguel Naghirniac Junior

6 Borboletário Águias da Serra

Além de conhecer estes insetos incríveis, seja nas estações de conhecimento, laboratório de criação e telado, onde passeará em um jardim coberto onde as borboletas voam ao seu redor, o visitante também poderá curtir sem gasto adicional:  Minigolf, passeio de caiaque, pesca esportiva, trilha na mata, campo de futebol e vôlei, espirobol, parquinho, fazendinha, muita área verde  e montagem e lançamento de foguete (basta trazer 2 garrafas pet de 2 litros de refrigerante de mesma marca). Dá para passar o dia de maneira diferente e muito gostosa. Informações: www.borboletarioaguiasdaserra.com.br. Borboletário: aberto aos finais de semana e feriados. Ingressos: Crianças até 02 anos – cortesia. Restantes dos ingressos preço único – R$ 39,90, idosos a partir de 60 anos, R$ 29,90. Tel: (11) 2908-0125


7 Instituto Butantan

Passeio diferente que agrada adultos e crianças. Nos seus 800 mil m² é possível passar um dia inteiro cercado de muito verde, tranquilidade e aprendizagem. lá é possível visitar o Museu Biológico, Museu Histórico e Museu da Microbiologia; o Serpentário; o Museu de Rua e a praça ladrilhada Vital Brazil e alguma exposição momentânea. O Museu Biológico  é um edifício antigo reconhecido como um dos únicos no mundo a apresentar uma exposição como animais vivos, como serpentes lagartos, iguanas, sapos, aranhas e escorpiões. O Museu Histórico  tem uma exposição de objetos antigos que foram utilizados nas pesquisas e produções de soros e vacinas a fim de preservar a memória dos pioneiros que trabalharam ali. No Museu de Microbiologia é o mais curioso especialmente para as crianças. Na exposição, os visitantes podem conhecer mais sobre o mundo dos micróbios, bactérias e outros seres microscópicos. Para isso poderão manipular objetos e observar microrganismos vivos por meio dos telescópios e interação digital. Informações: www.butantan.gov.br. Av. Vital Brasil, 1.500, R$ 6. Estudantes pagam R$ 2,50. Crianças abaixo de 7 anos e idosos acima de 60 anos não pagam ingresso. Das 9h às 16h45.  Tel. (11) 2627-9300. Estação Butantã.

Foto Catraca Livre

8. Atividades para o corpo e mente no Centro Cultural São Paulo

Com o ritmo de vida acelerado e excesso de informações do cotidiano urbano fica difícil fazer pausas para reflexão, para respirar profundamente, para práticas que beneficiem a saúde da mente e do corpo. Por esta razão, o CCSP oferecerá encontros que proporcionem bem-estar físico e mental. As práticas são abertas, livres e acessíveis a todas as pessoas, de diferentes faixas etárias e sem conhecimentos prévios. Serão semanais e não é necessário fazer inscrição para participar. As práticas saudáveis do CCSP são um convite para o autoconhecimento e convívio coletivo. É só chegar! 

Práticas Abertas de Exercícios Corporais Chineses: Cuidado e Percepção de Si | terças-feiras, 10h às 11h30

Visa o compartilhamento de exercícios corporais chineses, proporcionando o bem-estar do corpo-mente. Tem como principal objetivo fazer circular o qi, energia vital que atravessa e circula por todas as coisas, e por isso são chamadas de Qi Gong. Através de movimentos corporais que trabalham o fluxo interno e a vibração do corpo externo, essas práticas melhoram a circulação do qi que percorrem os canais chamados de meridianos do corpo.

Com Julia Monteiro Viana, professora de Artes Corporais Chinesas, artista e educadora.

+ Local: Jardim Suspenso (lado Vergueiro)

+ Trazer canga, tapetinho ou toalha.

+ Não haverá oficina no dia 09/07 devido ao feriado.

Capoeira Arte Viva | terças-feiras, das 18h às 20h

A atividade visa proporcionar o conhecimento e a vivência da cultura afro-brasileira através de oficinas de Capoeira, Samba de roda, Maculelê e Jongo. Incentivar a difusão da cultura popular e seu universo lúdico, dando ênfase nas manifestações e ritmos de influência afrodescendente, proporcionando a apropriação dos saberes referentes aos elementos de influência afro-brasileira tão presente em nossa cultura. Transmitir a capacidade de interação do corpo e da mente através da Capoeira, utilizando a harmonia dos instrumentos, dos cantos e das danças que compõem essa cultura tão rica.

Com André Luis Fermino (Professor Tubarão), arte-educador e integrante do Grupo Araúna.

+ Local: rampa de entrada pelo metrô Vergueiro.

+ Em caso de chuva a atividade será suspensa. Não haverá oficina no dia 09/07 devido ao feriado.

Ioga para Corpos Urbanos | quintas-feiras, das 16h às 18h

Venha praticar ioga a partir de uma perspectiva crítica sobre o modo como temos cuidado (ou não) dos nossos corpos e mentes, buscando estimular a integração desta prática ao nosso cotidiano e usufruindo dos seus benefícios para a diminuição da ansiedade, do stress e da angústia que as grandes cidades produzem em nossos corpos.

Com Danilo Patzdorf, professor formado pela Sociedade Brasileira de Yoga Integral, artista, bailarino e pesquisador.

+ Local: Jardim Suspenso (lado Vergueiro).

+ Trazer canga, tapetinho ou toalha.

+ Em caso de chuva a atividade será suspensa.

Rua Vergueiro, 1000 

www.centrocultural.sp.gov.br


9 Museu Afro Brasil

Aos pés do Baobá
27 de Julho (sábado), às 11h30
Durante este evento de contação de histórias ou mediação de leitura, os visitantes terão oportunidade de conhecer histórias africanas ou afro-brasileiras e, em seguida, participar de um bate-papo conduzido por integrantes do Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil.Brincar África Brasil
10 de Julho (quarta-feira), às 11h30
12 de Julho (sexta-feira), às 15h30
No mês de julho acontece o “Brincar África-Brasil”.  Durante a manhã, os educadores do núcleo de educação do Museu Afro Brasil, convidam os visitantes para conhecerem brincadeiras do Congo e do Brasil, que permitem perceber continuidades e similaridades entre as formas de brincar em África e no Brasil. Após uma breve apresentação do Acervo os educadores convidam os grupos a brincar.
Visitas para grupos espontâneos
07, 14, 21 e 28 de Julho (domingos), às 14h
Neste domingo, as visitas para o público espontâneo terão como foco temas relativos aos núcleos que compõem a exposição de longa duração e que abordam a História, Memória e Arte dos brasileiros a partir da perspectiva afro-brasileira

Visita-Oficina Formas e Raízes
06 de Julho (sábado), às 14h
20 de Julho (sábado), às 14h

Informações: www.museuafrobrasil.org.br. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Pavilhão Manoel da Nóbrega – Parque do Ibirapuera, portão 10, tel.: (11) 3320-8900. De terça a domingo, (fechado às segundas), das 10h às 17h Ingressos R$ 6, grátis aos sábados.

Biblioteca São Paulo
Divulgação

10 Biblioteca São Paulo

A Biblioteca de São Paulo (BSP), instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Organização Social SP Leituras (entre as 100 Melhores ONGs do Brasil), é opção para programa gratuito e cultural na cidade, durante o mês de férias. Em julho, o Campeonato de Videogame – Futebol Digital é um dos destaques. O evento acontece em 17 de julho, das 10h às 17h e é indicado para pessoas com até 17 anos. As inscrições precisam ser feitas no balcão de atendimento da biblioteca, de terça a domingo, das 10h às 18h.

Em julho, o programa Segundas Intenções recebe Frei Betto para bate-papo mediado pelo jornalista Manuel da Costa Pinto. O encontro está marcado para o sábado, 27 de julho, das 11h às 13h. Frei Betto é frade dominicano e escritor, autor de 64 livros, muitos deles traduzidos no exterior. Estudou jornalismo, antropologia, filosofia e teologia. É assessor de movimentos sociais. Atualmente, é colunista do jornal “O Globo”, articulista dos jornais “Hoje em Dia” e “Folha de S. Paulo”.

As contações de histórias também merecem destaque nesse mês de recesso escolar. Nas tardes de sábado e domingo, a Hora do Conto recebe grupos convidados. Em julho, a Cia. de Teatro Nóis na Mala, o Grupo de Teatro das Sobras, Giba Pedrosa, Grupo ÊbaLilian Marchetti, Cia. do Mar, Mirela Estelles e Amarilis Reto, o Grupo Mágicas Pirilampos e Heidi Monezzi se revezam na interpretação das aventuras, sempre às 16h. Av. Cruzeiro do Sul, 2.630, Santana (zona norte) Entrada gratuita

Planetário Professor Aristóteles Orsini no Parque Ibirapuera
Foto: Divulgação Prefeitura de São Paulo

11. Planetário do Ibirapuera

Nossa programação oferece sessões para o público geral na cúpula, observações do céu, cursos, oficinas e palestras. Para mais informações sobre nossas atividades, como chegar e como se inscrever nos cursos, acesse: http://www.prefeitura.sp.gov.br/planetariosNossas atividades acontecem no Planetário do Carmo, no Planetário do Ibirapuera e no Prédio da Escola Municipal de Astrofísica

4 de julho, quinta-feira:15h – Janela Mágica17h – Planetas do Universo
7 de julho, domingo:
13h – Janela Mágica
14h15 – Observação Solar15h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez17h – Planetas do Universo19h – Sessão Cidadã: Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez
9 de julho, terça-feira:13h – Janela Mágica15h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez17h – Planetas do Universo20h – Observação Noturna
11 de julho, quinta-feira:15h – Janela Mágica17h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez
14 de julho, domingo:13h – Janela Mágica13h40 – Visita Guiada15h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez17h – Planetas do Universo19h – Sessão Cidadã: Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez
18 de julho, quinta-feira:15h Janela Mágica17h Planetas do Universo
20 de julho, sábado:13h – Janela Mágica15h – Planetas do Universo17h – Sessão Especial Cidadã – Lua20h – Observação Noturna
21 de julho, domingo:13h – Janela Mágica13h50 – Oficina Crateras15h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez16h – Oficina Foguetes17h – Sessão Especial Cidadã – Lua
25 de julho, quinta-feira:15h – Janela Mágica17h – Olhar o Céu de São Paulo
28 de julho, domingo:13h – Janela Mágica13h40 – Visita Guiada15h – Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez17h – Planetas do Universo19h – Sessão Cidadã: Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez

Planetário do Ibirapuera Prof. Aristóteles Orsini
Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, dentro do Parque Ibirapuera. Acesso para carros pelo portão 3, (estacionamento com Zona Azul). Acesso mais próximo para pedestres pelos portões 9 e 10.
Telefone: 11 5575 5206. R$ 8 e R$ 4 meia entrada. Os ingressos também  podem ser comprados com antecedência tno site http://www.ticketfacil.com.br/


Meu nome é Patrícia Ribeiro. Sou formada pela Faculdade Cásper Líbero e já trabalhei como editora e repórter em revistas, jornais, sites e em assessoria de imprensa. Adoro contar histórias, sou curiosa e gosto de ouvir as pessoas. Como gosto de viajar, acabei escrevendo muitas reportagens de viagens e turismo e produzi guias de viagem nacionais e internacionais. Adoro a vida cultural da cidade e descobrir lugares novos. Resolvi aliar o que eu gosto do que faço no meu tempo livre neste blog e compartilhar minhas dicas com moradores e visitantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat