Conheça um dos maiores cafezais urbanos em São Paulo Agenda Cultural / É Grátis / Na natureza

O Instituto Biológico mantém um dos maiores cafezais urbano do País. Ao todo, são cerca de 2.000 pés de café, em uma área de 10 mil m², localizada na sede do Instituto, na Vila Mariana, em São Paulo, a cinco minutos do Parque Ibirapuera e da Avenida Paulista. O cafezal é composto pelas variedades Mundo Novo e Catuaí, desenvolvidas pelo Instituto Agronômico (IAC-APTA), presentes em 90% do parque cafeeiro brasileiro.

De acordo com a pesquisadora do IB, Harumi Hojo, o cafezal foi formado na década de 1950 e tinha a função de servir de material de pesquisa para os técnicos do IB estudarem o controle de pragas agrícolas. “Atualmente, a maior finalidade é didática, histórica e cultural, destinando-se à população que quer conhecer sua história e outras particularidades, como demonstração dos princípios das boas práticas agrícolas”, explica.

As plantas de café compõem o projeto Ciclos Econômicos Agrícolas do IB, juntamente com plantas de pau-brasil, seringueira e cana-de-açúcar. Cerca de mil estudantes, pesquisadores e estrangeiros já visitaram a atração do Instituto de pesquisa paulista.

Vista a partir do MAC, cafezal do Instituto Biológico Foto: Patrícia Ribeiro/Passeios Baratos em SP

Walking tour O café em Sampa: visita ao cafezal do Instituto Biológico dia 23/02

Neste passeio que acontece dia 23 de fevereiro, a partir das 9h30, conheceremos a trajetória do Instituto Biológico, que completou 90 anos de atividade em 2017 numa visita monitorada. Seu maior atrativo é um cafezal, cuja colheita apresenta números surpreendentes.  Neste passeio não haverá colheita, apenas visitaremos o cafezal. Visitaremos, também, o Planeta Inseto. Espaço agradável,  lúdico e muito instrutivo , onde é possível, dependendo do horário, ser espectador de uma “corrida de baratas”! Nossa última parada será no Mirante do MAC – Museu de Arte Contemporânea da USP – de onde avistaremos o nosso roteiro, o Parque Ibirapuera e entenderemos a importância desses ícones para a cidade de São Paulo! Finalizaremos no Vista Café Ibirapuera para degustar um café e apreciar a vista da cidade. O passeio começa às 9h30 e tem duração de 3 horas. R$ 35. Reservas: passeios@passeiosbaratosemsp.com.br ou whasapp (11) 94562-3015.

Instituto Biológico
Divulgação/wikimedia

Segundo a Organização Internacional do Café (OIC, sigla em inglês), o consumo mundial de café ultrapassa 150 milhões de sacas de 60 quilos por ano. Segundo dados do relatório de pesquisa Tendências do Mercado de Cafés em 2017, patrocinado pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), o consumo interno de café no Brasil em 2017 foi estimado em 21,5 milhões de sacas, que correspondem a 1,07 milhão de toneladas, aproximadamente. Com esse volume, o País se destaca como segundo maior consumidor de café do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, que consomem em torno de 25,8 milhões de sacas de café. O consumo no Brasil deverá se aproximar do volume americano até 2021, quando deverá atingir 25 milhões de sacas, se considerada uma projeção da taxa média anual de crescimento de mais de três por cento ao ano.

Cafezal em São Paulo
Foto: divulgação Instituto Biológico

“O café é uma paixão nacional, que gera muitas riquezas para São Paulo e para todo o Brasil. Nossos Institutos de pesquisa têm uma forte ligação histórica com a cultura e contribuem muito para o sucesso da cafeicultura brasileira. O Sabor da Colheita já é um evento tradicional na cidade de São Paulo que aproxima nossas unidades de pesquisa da população, uma recomendação do governador Márcio França”, afirma Francisco Jardim, secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

O 13º Sabor da Colheita é uma iniciativa da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio de ações integradas da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), Câmara Setorial do Café e Instituto Biológico (IB). O evento conta com o apoio do Sindicato da Indústria do Café do Estado de São Paulo (Sindicafé), da Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), das cooperativas de café do Estado de São Paulo, da empresa Syngenta e dos Laboratórios Carvalhaes.

 

 


Meu nome é Patrícia Ribeiro. Sou formada pela Faculdade Cásper Líbero e já trabalhei como editora e repórter em revistas, jornais, sites e em assessoria de imprensa. Adoro contar histórias, sou curiosa e gosto de ouvir as pessoas. Como gosto de viajar, acabei escrevendo muitas reportagens de viagens e turismo e produzi guias de viagem nacionais e internacionais. Adoro a vida cultural da cidade e descobrir lugares novos. Resolvi aliar o que eu gosto do que faço no meu tempo livre neste blog e compartilhar minhas dicas com moradores e visitantes.

Comments

  1. Daniela Cristina Pereira Says: agosto 25, 2018 at 2:07 pm

    gostaria de receber informativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat