Cripta da Catedral da Sé. Foto: Denis Mastro. www.denismastro.46graus.com História e Arte

Já passei inúmeras vezes pela Praça da Sé e todas as vezes eu olho para o alto para admirar a Catedral da Sé, um das igrejas mais bonitas que eu conheço. O estilo neogótico destoa da maioria das igrejas brasileiras. O que eu não sabia é que é possível fazer uma visita guiada na cripta, uma espécie de capela subterrânea onde guardam os restos mortais dos arcebispos, bispos e personagens históricos.

O blog Passeios Baratos em SP promove um walking tour Igrejas do Centro Histórico que inclui a visita na cripta, alem de Catedral da Sé, Mosteiro de São Bento, Igreja São Francisco de Assis e  Pátio do Colégio. A visita acontece neste sábado, dia 25/03 às 10h. R$ 35 por pessoa.  Para se inscrever envie nome completo e celular para contato@passeiosbaratosemsp.com.br ou pelo whatsapp 11-94562-3015.

Catedral da Sé São Paulo. Foto: Banco de Imagem

Catedral da Sé São Paulo. Foto: Banco de Imagem

Como é a visita

Fui durante a semana e só tinha eu e mais quatro pessoas. O guia Marcelo nos explica sobre o estilo da construção, que é neogótica pura, diferente da parte de fora que é uma mistura de neogótica com cúpulas renascentistas. A cripta é fechada para o público e a visitação é feita somente com o guia ou quem quiser entrar, deverá assistir a missa, às sextas, às 9 horas.

Cripta da Catedral da Sé. Foto: Denis Mastro. www.denismastro.46graus.com

Cripta da Catedral da Sé. Foto: Denis Mastro. www.denismastro.46graus.com

Minha sensação é ter adentrado um compartimento secreto, onde poucos têm acesso. A construção impressiona. Bem-conservada, o guia nos explica que ela foi restaurada, o piso e a iluminação são novos. Embora pequena, não deixa de ter certa ostentação.

Inaugurada em 1919, aqui ficam trinta câmaras mortuárias que guardam os restos mortais dos arcebispos e personagens históricas como o Padre Feijó, regente do império, e o cacique Tibiriçá, primeiro cidadão de Piratininga, onde seria São Paulo.

Restos mortais dos sacerdotes e personalidades históricas. Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Restos mortais dos sacerdotes e personalidades históricas. Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

A visita dura cerca de uns 30 minutos, mas dá tempo de percorrer o espaço, tirar fotos e ver todos os detalhes como as colunas, arestas, altar e esculturas de mármore Carrara. Uma exposição sobre o santo sudário impressiona pela própria história e pela réplica do lençol que cobria Cristo.  Para quem quer levar um amigo estrangeiro, o guia também faz a visita em inglês.

A taxa de visitação é de apenas R$ 7 e os horários são de segunda a sexta das 9h às 11h30 e das 13h às 17h30.
Aos sábados, domingos e feriados  das 9h às 11h30 e das 13h às  15h.

Por dentro da catedral

Sei que a Praça da Sé pode assustar aqueles que não estão habituados a frequentar o centro. O que me admira é que muitos de nós quando viajamos vamos ao centro das grandes cidades, que embora pareçam mais seguras, também podem oferecer algum perigo ou ter gente pedindo esmolas.

Detalhe da Catedral da Sé. Foto: Patricia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Detalhe da Catedral da Sé. Foto: Patricia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Acho que aprendi a admirar o Centro, porque consigo enxergar a beleza sutil que está nos detalhes. A Catedral da Sé não deixa nada a dever a Notre Dame, de Paris, ou Sagrada Família, de Barcelona. Ela é considerada uma das cinco maiores catedrais neogóticas do mundo e um dos pontos turísticos mais visitados de São Paulo.

Mosaico de Sant´Ana - Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Mosaico de Sant´Ana – Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

A ideia de construir uma nova catedral foi do arcebispo de São Paulo, Dom Duarte Leopoldo e Silva,  em 1912, mas sua inauguração só aconteceu em 25 de janeiro de 1954, no aniversário de 400 anos da cidade de São Paulo. O projeto foi de Maximiliam Hehl, que seguiu o estilo gótico das grandes igrejas europeias. As torres pontiagudas parecem alcançar o céu, induzindo os olhares para o alto. Suas pilastras simbolizam os santos e os vitrais coloridos que deixam a luz do sol entrar em várias cores representam a presença divina.

Vitral da Catedral da Sé deixa entrar luz do sol. Foto: Patrícia Ribeiro - Passeios Baratos em SP

Vitral da Catedral da Sé deixa entrar luz do sol. Foto: Patrícia Ribeiro – Passeios Baratos em SP

A catedral é decorada por ornamentos que representam nossa fauna e flora em todos os capitéis (colunas) em arte de cantaria.  Também tem várias estátuas em baixo-relevo,  produzidos na Itália e trazidos para São Paulo poucos antes da inauguração.

Teto da Catedral da Sé em estilo neogótico. Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Teto da Catedral da Sé em estilo neogótico. Foto: Patrícia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

O carrilhão é composto por 61 sinos, sendo que 31 deles são acionados eletronicamente. O órgão, infelizmente, não funciona mais.  Fabricado em Milão, na Itália, é considerado o maior da América do Sul. Porém, seu concerto só poderia ser feito na Itália e o instrumento está parado, só servindo de ornamento a imponente igreja.

Mais informações no site: Catedral da Sé

Corredor Central Catedral da Sé São Paulo. Foto: Patricia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP

Corredor Central Catedral da Sé São Paulo. Foto: Patricia Ribeiro/ Passeios Baratos em SP


Meu nome é Patrícia Ribeiro. Sou formada pela Faculdade Cásper Líbero e já trabalhei como editora e repórter em revistas, jornais, sites e em assessoria de imprensa. Adoro contar histórias, sou curiosa e gosto de ouvir as pessoas. Como gosto de viajar, acabei escrevendo muitas reportagens de viagens e turismo e produzi guias de viagem nacionais e internacionais. Adoro a vida cultural da cidade e descobrir lugares novos. Resolvi aliar o que eu gosto do que faço no meu tempo livre neste blog e compartilhar minhas dicas com moradores e visitantes.

Comments

  1. Oi Patricia, tudo bem?! Sabe informar se pode realizar ensaios dentro da Igreja?! Ou outro lugar que tenha essa arquitetura neogótica que seja possível fazer ensaios?! Obrigada!

    • Patrícia Ribeiro Says: junho 20, 2016 at 11:34 pm

      Olá. Realmente não sei, este é o telefone da igreja. (11) 3107-6832. Acho que vai ter que ligar nas igrejas para saber. Boa sorte.

  2. Olá, Patrícia!
    Eu li no post que nas sextas é necessário assistir à missa para poder entrar na cripta.
    Aos fds acredito que a regra seja a mesma, né?
    Tem alguma forma de pré inscrição?
    Tentei acessar o link dado no post, mas dá erro de acesso…

    Tenho acompanhado bem o trabalho de vcs. Parabéns!

    • Patrícia Ribeiro Says: junho 29, 2016 at 4:20 pm

      Oi, Daniela. Muito obrigada. Eu me esforço para fazer tudo bem feito com carinho para vocês. Sim, não sei por que o link está dando erro. Não dá para fazer inscrição, mas não é tão concorrido assim, chegue uns 15 minutos antes durante a semana que é tranquilo. Final de semana não sei como é. Sim, quando eu fui às sextas tinha que assistir à missa para entrar na cripta. Não sei se mudou. O telefone de lá é 3107-6832. Depois comenta aqui o que achou. Abraços.

  3. kuntha Mendonça Says: julho 1, 2016 at 7:06 pm

    Olá povo gostaria de saber quanto tempo e de visita. E se as torres já foram liberadas. Alguém conhece outros postos turísticos

    Att. Kuntha

    • Patrícia Ribeiro Says: julho 2, 2016 at 10:12 am

      Olá, no blog você encontra a maioria dos pontos turísticos de São Paulo, é só pesquisar nas categorias ou fazer uma busca com palavra-chave. Todas as informações sobre a catedral estão no post. Não é possível visitar as torres, pelo menos, quando eu fui. Mais informações ligue para a igreja tel. 3107-6832. Continue acompanhando o blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat